+351 262 824 654
+351 966 884 333

geral@livrariaalfarrabista.com
AUTORES
Adolfo Casais Monteiro
Adolfo Coelho
Afonso Correia
Afonso Duarte
Afonso Lopes Vieira
Agustina Bessa Luís
Al Berto
Alberto Bramão
Alberto de Lacerda
Alberto de Serpa
Alberto de Sousa
Alberto Ferreira
Alberto Pimenta
Alberto Pimentel
Albino Forjaz de Sampaio
Albino Lapa
Alexandre Herculano
Alexandre O´ Neill
Alfredo Gândara
Alfredo Lamas
Alfredo Mesquita
Alfredo Pimenta
Alice Vieira
Almeida Garrett, J. B. De
Alvaro Feijó
Alves Redol
Amália Rodrigues
Ana Hatherly
André Breton
Antero de Figueiredo
Antero de Quental
António Aleixo
António Aragão
António Barahona da Fonseca
António Botto
António de Cértima
António de Navarro
António dos Santos Rocha
António Feijó
António Feliciano de Castilho
António Ferro
António Gedeão ( Rómulo de Carvalho )
António José Forte
António Lobo Antunes
António Maria Lisboa
António Nobre
António Patrício
António Pedro
António Ramos Rosa
Antunes da Silva
Aquilino Ribeiro
Armando Ferreira
Armindo Rodrigues
Artur Anselmo
Augusto Abelaira
Augusto Gil
Augusto Reis Machado
Azinhal Abelho
Baltazar Estaço
Baptista Bastos
Bento Carqueja
Brandao de Brito
Branquinho da Fonseca ( António Madeira )
Cabral do Nascimento
Caldwell
Camilo Castelo Branco
Carlos de Oliveira
Carlos de Passos
Carlos Eurico da Costa
Carlos Ferrão
Carlos Selvagem
Castro Soromenho
Celestino Gomes
Cesário Verde
Chagas Franco
Costa Barreto
Cruzeiro Seixas
Cunha Leal
Daniel Filipe
David Mourão Ferreira
Dino Preti
Diogo Caminha
Diogo do Couto
Domingos Monteiro
E. M. de Melo e Castro
Eça de Queiroz
Eduardo de Noronha
Eduardo Gageiro
Eduardo Scarlatti
Elísero Pinto
Ernesto M. de Melo e Castro
Eugénio de Andrade
Eugénio de Castro
Faure da Rosa
Federico García Lorca
Fernanda Botelho
Fernanda de Castro
Fernando Guimarães
Fernando Lopes Graça
Fernando Namora
Fernando Pessoa
Ferreira de Castro
Florbela Espanca
Francisco de Sousa Neves
Francisco Rodrigues Lobo
Franco Nogueira
Gentil Marques
Gervásio Lima
Gervásio Lobato
Gomes de Brito
Graça Pina de Morais
Guedes de Amorim
Helder de Macedo
Helena Malheiro
Henrique Galvão
Herberto Helder
Hipólito Raposo
Irene Lisboa
J. V. Jorge
Jaime Cortesão
João Barreira
João Cesar Monteiro
João de Araújo Correia
João de Barros
João de Deus
João Gaspar Simões
João Miguel Fernandes Jorge
Joaquim Leitão
Joaquim Manuel Magalhães
Joaquim Paço D´Arcos
Joaquim Pessoa
Joaquim Vieira Natividade
Jorge de Sena
Jorge Guimarães
José Blanc de Portugal
José Cardoso Pires
José Carlos Ary dos Santos
José de Almada Negreiros
José Duro
José Ferreira Monte
José Gomes Ferreira
José Jorge Letria
José Loureiro Botas
José Luandino Vieira
José Malhoa
José Mascarenhas Pacheco Pereira Coelho de Mello
José Régio
José Rodrigues Migueis
José Saramago
José-Alberto Marques
Julieta Ferrão
Júlio Dantas
Julio de Castilho
Leonel Neves
Lourenço Chaves de Almeida
Luis de Sttau Monteiro
Luís Forjaz Trigueiros
Luís Varela Aldemira
Luís Veiga Leitão
Luiz de Figueiredo da Guerra
Luiz Pacheco
Luiza Neto Jorge
Magalhães Lima
Manuel Alegre
Manuel Bandeira
Manuel Breda Simões
Manuel da Fonseca
Manuel de Campos Pereira
Manuel de Sousa Pinto
Manuel Geraldo
Manuel Grangeio Crespo
Manuel Lima
Manuel Múrias
Manuel Pinheiro Chagas
Manuel Ribeiro
Manuel Vieira Natividade
Marcelo Caetano
Maria Alberta Menéres
Maria da Graça Azambuja
Maria Gabriela Llansol
Maria Lourdes de Castro
Maria Ondina Braga
Maria Teresa Horta
Mariano Calado
Mário Braga
Mário Cesariny de Vasconcelos
Mário Cláudio
Mário de Sá Carneiro
Mário Henrique Leiria
Mario Saa
Mário Soares
Máximo Lisboa
Miguel Esteves Cardoso
Miguel Torga
Natália Correia
Natércia Freire
Nuno de Montemor
Nuno Júdice
Orlando de Albuquerque
Paul Valery
Pedro Dias
Pedro Homem de Mello
Pedro Mayer Garção
Pedro Oom
Pedro Tamen
Pedro Vitorino, Dr.
Políbio Gomes dos Santos
Rafael Bordalo Pinheiro
Ramalho Ortigão
Raul Brandão
Raul de Carvalho
Raul Leal
Raul Lino
Raúl Perez
Raul Rêgo
Raul Tamagnini Barbosa
Reynaldo dos Santos
Ricardo Reis
Rocha Martins
Rogério de Freitas
Romeu Correia
Ruben A
Rui de Melo
Rui Knopfli
Ruy Belo
Ruy Cannas
Ruy Cinatti
Salette Tavares
Samuel Maia
Sebastião da Gama
Sidónio Muralha
Silva Tavares
Soeiro Pereira Gomes
Sophia de Mello Breyner Andresen
Sousa Costa
Taborda de Vasconcelos
Teixeira de Pascoaes
Teixeira de Sousa
Telo de Mascarenhas
Teófilo Braga
Thiago de Mello
Tomás da Fonseca
Tomaz Tavares de Sousa
Urbano Tavares Rodrigues
Valeriano de Campos
Vasco Graça Moura
Vergilio Correia
Vergilio Ferreira
Victor Palla
Victor Segalen
Virgílio Arruda
Virgílio Martinho
Vitor Serrão
Vitorino Nemésio
Wenceslau de Moraes
Y. K. Centeno
Livros pré 1900
Livros por página
(Ref. 18799)
Ano: 1781    2ª Edição
Lisboa; Na Regia Officina Typographica; In-8º de (16)555(1) páginas; Encadernado

“Segunda edição de um trabalho publicado pela primeira vez em 1607. Innocêncio afirma que, embora a primeira edição seja considerada por sua raridade, a segunda é preferível porque é mais correta e tem acréscimos editoriais. Esta edição de 1781 foi editada pelo Padre Joaquim de Foyos, que forneceu um prefácio original e interessante, ocupando o segundo a quinto folhas preliminares. As sextas a oitavas folhas preliminares contêm o prefácio da edição original de Domingos Fernandes, incluindo um poema mais longo em português na sétima folha e o oitavo retângulo em folha. Um curioso soneto no oitavo verso preliminar das folhas tem as quatro primeiras linhas em latim, as quatro seguintes em italiano, as três seguintes em espanhol e as três últimas em português. Lusitania transformada, uma obra de literatura pastoral, é escrita em prosa e verso. A narrativa gira em torno das viagens peripatéticas de Olívio, que busca encontrar um locus amoenus, ou lugar de beleza e perfeição ideais. Ele viaja através das colônias de Portugal e outros lugares onde havia uma presença portuguesa, incluindo Goa, Japão, China, sudeste da Ásia e Etiópia. Além de seu mérito literário, o Lusitania transformada fornece descrições impressionantes da flora e fauna do sul e do leste da Ásia, bem como os costumes e estilo de vestir de seus habitantes. Também estão incluídas referências à corrupção política em Goa e críticas incisivas à sociedade portuguesa. A Lusitânia Transformada é um trabalho de proporções épicas, incorporando temas de moralidade, amor, patriotismo e religião. Alvarez do Oriente tem sido elogiado pelos críticos por seu estilo de escrita fluido e imaginativo. Mas talvez mais importante ainda, este é um dos primeiros trabalhos posteriores aos Os Lusíadas de Camões (1572), que incorporou os primeiros encontros portugueses com a Ásia em um contexto literário. O autor foi contemporâneo de Camões e os dois autores têm muito em comum. Tem havido especulações de que obras atribuídas a Alvarez do Oriente são realmente de Camões e vice-versa.”
Obra invulgar, completa com o seu desdobrável.
Exemplar com mancha e restauro no canto inferior direito da folha de rosto. Miolo com ocasionais furos de xilófago, sem afectar a leitura do texto. Encadernação meia-inglesa, ligeiramente cansada.
Preço:
125€
(Ref. 11103)
Ano: 1885    1ª Edição
Lisboa; Tavares Cardoso & Irmão; In-8º de 16 páginas; Ilustrado; Brochado

Obra ilustrada por Rafael Bordalo Pinheiro.
Exemplar com picos de acidez nas capas de brochura e miolo devido ao tipo de papel utilizado.
Preço:
65€
(Ref. 16853)
Ano: 1886
Lisboa; Imprensa Nacional; In-4º de CCI(1)627(1) páginas; Encadernado

"Versão Portugueza commentada e annotada por Joaquim Pinto de Campos"
Obra ilustrada com gravura de Dante Alighieri e fac-símile desdobrável da condenação contra Dante extraída do Codex chamado o Chiodo.
Exemplar com sólida encadernação meia-inglesa em bom estado de conservação. Possui pequeno rasgo na folha de rosto, sem afectar o texto. Miolo em bom estado de conservação.
Preço:
140€
(Ref. 17070)
Ano: 1793
... com a descripção, e pratica dos instrumentos de que mais ordinariamente se servem os Officiaes Engenheiros assim no bofete, como no terreno. Para uso da Real Academia de Fortificação, Artilheria, e Desenho, offerecidas ao Serenissimo Senhor Dom Joao Princepe do Brasil por Antonio Joze Moreira, capitão de Infanteria com exercicio de Engenheiro, e lente na mesma Academia."

Lisboa; Typographia de João Antonio da Silva; In-8º de (16)237(1) páginas e 30 estampas; Ilustrado; Encadernado

Tratado de desenho aplicado à arquitectura, ilustrado no final com 30 gravuras desdobráveis a talhe-doce.
Exemplar com encadernação da época com ligeiros sinais de manuseamento, miolo e estampas em bom estado de conservação.
Preço:
250€
(Ref. 19856)
Ano: 1878
Porto; Empreza editora de Obras Clássicas; In-4º de XXIV 78 (3) páginas; Brochado

"Reimpressão imitativa conforme a edição única de 1633"
Exemplar com sinais de manuseamento na lombada e capas de brochura, miolo em bom estado de conservação. Valorizado com dedicatória do editor.
Preço:
75€
(Ref. 19680)
Ano: 1851    1ª Edição
Lisboa; Imprensa Nacional; In-8º de 160 páginas; Encadernado

"... para em pouco tempo, e até sem mestre, se aprenderem a fazer versos de todas as medidas e composições."
Obra valorizada com dedicatória de oferta do autor ao seu colega Latino Coelho.
Exemplar com encadernação coeva em bom estado de conservação geral. Apresente minimos vestígios de xilófagos sem afectar a mancha tipográfica.
Preço:
75€
(Ref. 19678)
Ano: 1791
Lisboa; Na Offic. de Simão Thadeo Ferreira; In-8º de VII (1) 381 (1) páginas; Encadernado

"...E DO GOVERNO VIVIL E MILITAR DO IMPERIO OTTOMANO; Dos empregos, e funções religiosas, e de algumas particularidades curiosas do mesmo Imperio da Turquia, COMPOSTA PELO BACHAREL..."
Inocêncio III, 393 e X, 289: “João José Pereira, que no rosto da obra seguinte se declara Bacharel, sem contudo dizer em que Faculdade. Dele não pude obter mais notícia alguma. 898) Historia da vida, conquistas e religião de Mafoma, e do governo civil e militar do imperio ottomano. Lisboa, na Offic. de Simão Thaddêo Ferreira 1791. 8.º de VIII 381 pag., com um retrato do falso propheta. […] Da obra mencionada sob o n.º 899, appareceu outra edição impressa na typ. Rollandiana, 1808, conforme á de 1791, mas sem o retrato”.
O nosso exemplar, apesar de ser da edição de 1791, não possui o retrato.
Exemplar com encadernação coeva ligeiramente cansada. Folha de rosto com ligeira falta de papel e restauro antigo. Miolo com ténues vestígios de xilófagos sem afectar a leitura do texto.
Preço:
200€
(Ref. 19676)
Ano: 1804    1ª Edição
Lisboa; Na Impressao Regia; In-8º de (16), VIII, 72, (4) págnas; Encadernado

"...addiccionada com algumas notas sobre a divisão orthografica da lingua latina, e outras da Europa, a que se ajuntão alguns preceitos da arte typografica para melhor correcção, e uso dos Compositores, e aprendizes da imprensa regia. Dedicada ao muito alto e soberano principe regente D. João nosso senhor por...."
Rara obra sobre a arte tipográfica com principal incidência nos alfabetos gregos, hebraicos e arabicos. Com inúmeras ilustrações representativas dos respectivos alfabetos e seus caracteres.
Exemplar com encadernação meia-inglesa ligeiramente cansada, miolo em bom estado de conservação, muito limpo e mantendo a sonoridade do papel.
Preço:
250€
Anterior  1  2  3  4  5  6  7  8  9  10 | >> | Seguinte

 CARRINHO COM 9 ARTIGOS
Artigo
Preço€ 
SOLARES PORTUGUESES
85.00€ 
UM TÚMULO RENASCENÇA
22.00€ 
ALBUM DE ENSINO UNIVERSAL . livro d´instrucção popular
60.00€ 
O LIVRO DAS FLORES (legendas da vida da Rainha Santa)
45.00€ 
PORTUGAL. Recordações do Anno de 1842
90.00€ 
LES CONNAISSANCES ESSENTIELLES DE L´ART
50.00€ 
ARTE MONUMENTAL PORTUGUESA
65.00€ 
O INFERNO cantico primeiro da DIVINA COMEDIA
140.00€ 
REGRAS DE DESENHO para a delineação das plantas, perfis e perspectivas pertencentes á architectura m
250.00€ 
Valor dos artigos:
Número de artigos:
Custos de envio:
€ 
TOTAL DA ENCOMENDA:
€ 
NEWSLETTER
E-mail:
Se deseja receber no seu e-mail novidades sobre os nossos artigos, coloque o seu endereço de E-mail e clique em Subscrever

  Autorizo que o meu e-mail seja utilizado para o envio de informações comerciais(newsletter, lista de novidades,…)
O nosso website usa cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar, está a consentir a utilização de cookies      ENTENDI LER MAIS